1ª TEMPORADA (inscrições encerradas)

Espera-se que os empreendedores e criadores de conteúdos, ao longo das oficinas e oficinas práticas da primeira temporada da Escola de Séries, apreendam conceitos, modelos e técnicas para transformar suas ideias em projetos de séries com maior competitividade para participarem dos diversos editais do setor audiovisual, bem como para se inscreverem no processo de seleção do Laboratório de Imersão da Escola de Séries. Os cursos e as oficinas da primeira temporada permitirão que os empreendedores e criadores de conteúdo desenvolvam competências para identificar os fatores críticos para o sucesso de um projeto e os novos rumos do setor audiovisual, permitindo uma atuação mais competitiva dos seus projetos nos diversos processos de seleção existentes no mercado.

2ª TEMPORADA (inscrições encerradas)

Na segunda temporada das oficinas e oficinas práticas da Escola de Séries, espera-se que os empreendedores e criadores de conteúdos compreendam conceitos e técnicas de gestão para que seus projetos e, principalmente, suas empresas adquiram maior sustentabilidade no mercado. Os cursos e as oficinas da segunda temporada exercitarão competências fundamentais para que os empreendedores e criadores de conteúdo desenvolvam projetos e empresas saudáveis financeiramente, adequadas juridicamente e atravessadas por uma visão estratégica relacionada aos seus modelos de negócio, viabilizando uma atuação mais inovadora e competitiva no mercado.

3ª TEMPORADA (inscrições encerradas)

Nesta temporada, espera-se que os empreendedores e criadores de conteúdo incorporem conceitos e técnicas fundamentais para o aperfeiçoamento de suas narrativas e da apresentação de seus projetos ao mercado, exercitando as técnicas dessa apresentação e aumentando a competitividade dos seus projetos nas rodadas de negócios.

Pré-requisitos para participação nas oficinas de doctoring, transmídia e pitching:

  • Somente serão aceitas inscrições de projetos de obra seriada de ficção ou animação vinculados à micro, pequena ou média empresa com sede no estado do Rio de Janeiro.
  • A inscrição dará direito a participação de 2 representantes por projeto.
  • A presença de pelo menos 1 (um) representante de cada projeto em todos os módulos de cada bloco é obrigatória e fundamental para a dinâmica das oficinas.
  • Para participar das Oficinas de Doctoring em 5 módulos, após a confirmação da inscrição e pagamento, será necessário o envio do registro do projeto na Fundação Biblioteca Nacional, além de ficha do projeto e a assinatura do termo de confidencialidade, que serão enviados pela equipe da Escola de Séries por email posteriormente. 

Pré-requisitos para participação nas oficinas de gênero:

  • Ser vinculado à micro, pequena ou média empresa com sede no estado do Rio de Janeiro.

OFICINAS DE GÊNERO

Serão oferecidas 5 (cinco) oficinas de gênero que contribuirão para o aperfeiçoamento dos projetos no que se refere à narrativa. Destas, 4 (quatro) permitirão que os roteiristas interessados em apresentar projetos à rede norte-americana ABC, desenvolvam novos projetos ou aprimorem projetos já existentes alinhados com os gêneros buscados por eles, a saber: Character Driven Drama, Soapy, Workplace Comedy e Dramédia.

 

Oficina de Gênero 1
Dramédia, com Sonia Rodrigues

Quando o mercado necessita, quando o canal procura, quando existe interesse de marcas. Dramédia: este sub gênero existe? Características específicas. Diferenças em relação ao Drama e a Comédia. Estudo de caso com episódios de séries.  Exercícios com seis storyline e arco de temporada de alunos sorteados.

 

Oficina de Gênero 2
Projetos sob encomenda: Séries juvenis para o mercado brasileiro, com Daniel Mattos

Como montar projetos que atendam às várias faixas do público jovem, com storyline, argumento e personagens que atendam à realidade psico social e outras especificidades desses segmentos. Como contemplar os temas que atraem o interesse e a inquietação dos jovens e, ao mesmo tempo, respeitar as limitações da leis e normas que regem esse tipo de programação? A produção de conteúdo de ficção para as TVs públicas, histórico e possibilidades.

 

Oficina de Gênero 3
Character Driven Drama, com Angelica Coutinho

O peso da storyline e do perfil do protagonista. Diferenças em relação ao Drama temático e Drama multiprotagonista. Os sub gêneros do Drama influenciam o arco da (s) temporada (s)? Estudo de caso com episódios de séries.  Exercícios com seis storyline e arco de temporada de alunos sorteados.

 

Oficina de Gênero 4
Workplace Comedy, com Angelica Coutinho

Diferenças em relação a Comédia de família, Comédia de amigos, Comédia de “desfuncionais”. Estudo de caso com episódios de séries.  Exercícios com seis storyline e arco de temporada de alunos sorteados.

 

Oficina de Gênero 5
Soapy, com Sonia Rodrigues

Diferenças entre telenovela e as séries chamadas Soapy. Estudo de caso com trechos de telenovelas brasileiras e mexicanas e episódios de série. Exercícios com seis storyline e arco de temporada de alunos sorteados.
Leitura inicial obrigatória: Meu destino é pecar – Nelson Rodrigues. Leitura recomendada: Angélica, Marquesa dos Anjos, Anne e Serge Colon.

 

OFICINAS DE DOCTORING

Bloco em 5 módulos, com Sonia Rodrigues

Máximo de 30 projetos. A cada módulo serão analisados 6 diferentes projetos.
Lendo como roteirista e lendo como executivo de desenvolvimento.
A cada módulo serão examinados até 06 (seis) projetos previamente registrados na Fundação Biblioteca Nacional e previamente distribuídos aos inscritos que deverão assinar termo de confidencialidade. 

 

 

OFICINAS DE PITCHING

Bloco em 4 módulos, com Victor Lopes

Máximo de 30 projetos. A cada módulo serão analisados de 07 a 08 (sete a oito) diferentes projetos.

 

 

As oficinas da 3ª Temporada acontecerão na ESPM
Rua do Rosário, 111 – 8º andar auditório, Centro.